27 de Novembro de 2020

"A Justiça da Polícia": conheça a 2ª colocada do concurso de monografias do IBCCRIM

O IBCCRIM publica nesta sexta-feira, dia 27 de novembro, a monografia "A Justiça da Polícia: as mortes de civis em operações policiais na perspectiva da Polícia Militar da Bahia”. Escrita por Frederico Fagundes Soares, doutorando em Criminologia na Universidade de Ottawa (Canadá), a publicação foi selecionada no 24º Concurso de Monografias.

Com o objetivo de compreender como as execuções sumárias praticadas são justificadas pela Polícia Militar e seus agentes, o autor entrevistou 15 policiais militares que atuam na cidade de Salvador-BA.

“Meu ponto de partida nessa reflexão, é o contexto policial que vitima especialmente a população jovem negra de periferia na Bahia. Essa violência se expressa de maneira mais extrema nos números de autos de resistência, que estão entre os maiores do país, estando atrás apenas de São Paulo e Rio de Janeiro, assim como nos casos de execuções sumárias de repercussão nacional, como no caso da chacina do Cabula, ocorrida em 2015”, destaca o autor.

Além do contexto policial e a manifestação da violência, a obra busca, em diversos níveis, compreender os mecanismos discursivos mobilizados pela PM-BA. Nesse sentido, o autor analisa o discurso da precariedade, por meio do qual os policiais se dizem vulneráveis, e também as práticas discursivas que inserem o trabalho do policial em um contexto de "guerra civil".

O trabalho "A Justiça da Polícia: as mortes de civis em operações policiais na perspectiva da Polícia Militar da Bahia” ganhou 2º lugar no 24º Concurso de Monografias do IBCCRIM, em um processo de seleção que avaliou 25 trabalhos.

A monografia já está disponível para associados e associadas na versão digital, acesse: A Justiça da Polícia: as mortes de civis em operações policiais na perspectiva da Polícia Militar da Bahia